Ritmos Cores E Formas Geométricas - Paulo Dud 2021 (Livro, Nac, Arte)

R$ 150,00
R$ 120,00
ou 12 x R$ 11,70
ou R$ 111,60 no depósito
. Comprar  
Lançamento 2021

Aguardado livro de arte com obras de arte óptica e cinética do experiente e reconhecido artista brasileiro Paulo Dud de Embu das Artes, distrito artístico de São Paulo.

Paulo Dud é artista plástico. Pinta há 40 anos, trabalhando com Construtivismo, Optical Art e Arte Contemporânea. Seus trabalhos são expostos em diversos municípios e muitos foram vendidos, encontrando-se em outros Estados e Países, como EUA, Alemanha, França e Japão.

A pintura de Paulo Dud se inscreve certamente no quadro do abstracionismo geométrico, tipo Kandinsky, Max Bill entre outros. Trata-se de uma pintura que tem sentido por possuir uma grande pureza de estrutura e uma total limpidez cromática.

A ponderada evolução de uma ideia pictórica que recusa qualquer dilatação metafísica, sentimental ou atmosférica, se constitui numa prova de coerência desse artista para quem a geometria é um espaço concreto, visível graças ao concretismo que o preenche e o anima, com o qual rende significativa a superfície delimitada da obra.

O peso das imagens de Paulo Dud, a elasticidade não caligráfica da linha que as define, a densidade sem qualquer sentido ambíguo, abertamente evocadora de seu cromatismo, são fruto de um paciente trabalho de purificação e até mesmo de subtração.

O seu percurso tem sido constante e coerente às premissas. Sem concessão a sugestões externas, cada sua obra encontra validade na profunda consciência que o artista possui de seu próprio estilo e que regula e controla, sem qualquer restrição, a atividade criadora da fantasia.

Na obra "Feixes musicais", doada ao Museu de Arte do Parlamento de São Paulo, os segmentos da cor vibram com luminosidade dentro da própria massa que os englobam. São formas repetidas, algumas monocromáticas outras mais vivas, numa evidência de que a liberdade do ser humano se identifica com a do artista, e nesse equilíbrio, reconhecemos sua capacidade poética.

O artista

Paulo Dud, pseudônimo artístico de Paulo Renato Dud, nasceu em São Paulo em 1953. Formou-se em produção visual gráfica na Escola SENAI Teobaldo de Nigris em 1981. Participou de cursos de desenho no Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo, além de estudos e pesquisas sobre as influências de Banhaus, como neo-construtivismo, abstrato geométrico, optical art e outros (1989 " 1991).

Vive atualmente na cidade de Embu das Artes onde instalou seu atelier e participa intensamente das atividades culturais locais. Foi curador e membro da Comissão Organizadora das seguintes exposições no Centro Cultural Mestre Assis no Embu: 3ª Exposição Nikkei Arte e Craft (2011 - 2010); 27° Salão de Artes Plásticas de Embu das artes (2010); "João Cândido e a Família Silva" (2010); "Mulheres de Todas as Artes" (2009); "Nossa Arte Negra" (2009).

Esteve presente em inúmeras mostras e exposições, entre elas: "Alguns Contemporâneos", Centro Cultural Mestre Assis, Embu (2009) "Revolver" A Optical Art de Paulo Dud, Centro Cultural Mestre Assis de Embu (2008); "Germinação", Ministério da Cultura FUNARTE, SP (2000); "Inspiração", Casa de Cultura de Jundiaí, SP (1999); 1º Salão Regional de Artes Plásticas de Embu, Museu de Arte Sacra, Embu, SP (1997) onde obteve o 1º Prêmio Categoria Pintura; Salão "Arte ao Vivo 92", Centro de Negócios de São Paulo; Espaço Cultural Brasilton Hilton, SP (1992); "New Op",Espaço Cultural Banco do Brasil, SP (1991); Espaço Cultura e Lazer, Telesp, SP; "Quadros de uma exposição", Espaço Cultural Esquina do Artista, Itapecerica da Serra, SP (1990); Formas Kaleidoscópicas, Câmara Municipal de São Paulo e 2ª Mostra Raízes de Embu, SP (1989) Júri especial, 1º Prêmio na categoria pintura sobre tela; 1ª Mostra de Artes "Embu Hoje", Museu de Arte Sacra de Embu, SP (1988); "Paulo Dud e Ademir Rodrigues" no Espaço Cultural do MEC, Ministério da Educação e Cultura, Brasília, DF (1988); Café Maravilha, Centro de Artes de São Paulo (1987); "Jovens Pintores Hispano-Brasileiros", Casa de Espanha, Rio de Janeiro (1986); II Mostra de Artes Plásticas de São Lourenço, Minas Gerais (1983).

Tamanho 27 x 22 x 1 cm
Páginas 102
Ricamente ilustrado
• Prazo para postagem:
Veja também